Como Estimular o Gosto Pela Leitura

COMO ESTIMULAR O GOSTO PELA LEITURA?

Ler é uma capacidade fundamental para o desenvolvimento da personalidade da criança em todas as suas vertentes: na autoestima, no desempenho escolar, na forma como se relaciona com o mundo e aprende. Como estimular o gosto pela leitura?

COMO ESTIMULAR O GOSTO PELA LEITURA?

A capacidade de leitura é fundamental para o nível de desempenho em todas as áreas do conhecimento.

Saber ler e interpretar um texto ou um enunciado é importante não só para a disciplina de Língua Portuguesa, mas para a Matemática, Estudo do Meio e para todas as outras.

Com a entrada no 3º ano do Ensino Fundamental I, a criança ganha um novo ritmo e precisa criar hábitos e regras de trabalho e estudo.

Isso não quer dizer que vá deixar de brincar ou de desenvolver atividades extracurriculares, mas é uma fase onde a criança precisa aprender a estar focada no que está fazendo. Há um tempo para tudo. Para trabalhar e estudar e para brincar.

Devido à sua importância, saber como motivar a criança para o hábito da leitura é uma questão colocada com frequência pelos pais.

A leitura estimula a criatividade, a aprendizagem, o interesse por novas áreas do conhecimento, enriquece o vocabulário e desenvolve a escrita. Também promove a criatividade e a capacidade de escrever textos mais longos e explicar ideias mais complexas.

COMO ESTIMULAR, ENTÃO, O GOSTO PELA LEITURA?

1. DAR O EXEMPLO

Como em muitas outras questões da parentalidade, o exemplo é um grande meio de que os pais dispõem para incentivar os filhos a adotar determinado tipo de comportamento.

Se tiver o hábito de ler, se ler com e para o seu filho é uma atividade que faz regularmente, por certo será mais fácil que a criança desenvolva o gosto pela leitura.

2. INCLUIR OS LIVROS NAS ROTINAS DIÁRIAS

Ler uma história antes de ir para a cama, como parte da rotina do sono, é uma excelente estratégia para ajudar a desenvolver o gosto pela leitura, mas também, para estreitar os laços afetivos entre pais e filhos.

Os pais devem começar a ler para os filhos muito antes de estes aprenderem a ler e incentivar a interpretação das ilustrações e a manipulação de livros adequados à fase do desenvolvimento da criança precocemente.

3. ESCOLHER LIVROS ADAPTADOS À IDADE DA CRIANÇA

Os primeiros livros são constituídos, fundamentalmente, com imagens. A história é narrada por meio de ilustrações e algumas legendas e isso dá uma grande liberdade à criança para imaginar e inventar novas histórias.

Quando a criança é mais velha, começa a apreciar outro tipo de leitura. Contos de fadas, fábulas, pequenas histórias ainda acompanhadas de imagens.

À medida que o gosto pela leitura se sedimenta, a criança passa a escolher os seus próprios livros. As leituras de que mais gosta. Incentive esse gosto com visitas regulares a livrarias e bibliotecas e com a leitura partilhada.

4. DEMONSTRAR À CRIANÇA A IMPORTÂNCIA DE SABER LER

Saber ler é muito mais do que “saber ler“. É a possibilidade de conhecer novos mundos, de compreender outros pontos de vista, de imaginar, de aprender sobre si próprio e sobre os outros, de chegar muito mais longe.

Além disso, a leitura é fundamental para compreender e conseguir interpretar o mundo que nos rodeia e ter acesso a uma fonte de informação inesgotável.

5. DAR ASAS À IMAGINAÇÃO

Frequentar espaços culturais é outra forma de estimular o gosto pela aprendizagem. O teatro, por exemplo, é uma arte onde a palavra e a expressão corporal se conjugam para comunicar sentimentos, mensagens e experiências.

As crianças adoram representar papéis. Imitar os pais, fazer teatrinhos, brincar com fantoches, inventar aventuras com os brinquedos. Tudo isso contribui para despertar o prazer pelo conhecimento e para enriquecer os tempos livres da criança.

6. APRECIAR DIVERSOS TIPOS DE ARTE

Ir a museus, exposições, concertos ou parques temáticos, contactar com obras de arte, com a música, compreender o seu significado, a mensagem e emoções que pretendem transmitir, são formas de ajudar a criança a interpretar meios de expressão mais subjetivos e de melhorar a sua capacidade crítica.

Estas atividades proporcionam experiências muito ricas e permitem desenvolver novos conhecimentos de modo lúdico, sem a “imposição” do curriculum escolar.

As crianças que tem contato de forma próxima, e desde cedo, com diversos tipos de arte tornam-se mais curiosas, gostam de aprender coisas novas e desenvolvem o sentido crítico e a capacidade de sociabilizar de modo natural.

Fonte: http://www.maemequer.pt/desenvolvimento-infantil/educacao/crescer-a-ler/como-estimular-o-gosto-pela-leitura/