Carinho e amor na infância formam um adolescente mais afetivo